GPS Advogados
Anuncie no Portal do Alto Tietê

TRANSPORTE – Primeiro dia da Radial, tem 17 ônibus da Visul apreendidos

By on abril 29, 2012

Incidente ocorreu na madrugada de ontem no Terminal Norte e veículos foram levados ao pátio municipal

foto: Mayara de Paula

a foto >> Fiscalização: Coletivos foram retidos entre as 4h15 e as 6h30 ao novo pátio da Casa Branca

A Viação Suzano (Visul) bem que tentou, em uma ação desesperada, colocar na madrugada de ontem a frota de ônibus velhos para transportar os passageiros nas linhas municipais da cidade. Mas, dessa vez, governo do prefeito Marcelo Candido (PT) atuou com autoridade. Ainda na madrugada de sábado apreendeu pelos menos 17 coletivos da empresa que tentou desrespeitar o decreto publicado na sexta-feira que extinguiu o contrato entre as partes e contratou emergencialmente por seis meses a empresa Radial Transportes, que começou a circular pouco depois das 4 horas de sábado com 60 ônibus.

Os veículos da Visul que foram apreendidos entre as 4h15 e 6h30 foram recolhidos ao pátio da prefeitura instalado no bairro da Casa Branca. A decisão da Visul de ignorar o decreto que a eliminou do sistema de transporte da cidade e a pronta resposta da administração, provocaram bastante agitação no Terminal Rodoviário Norte no final da madrugada.

Ao menos uma dezena de viaturas da Polícia Militar (PM) e veículos da Secretaria Municipal de Transportes, Sistema Viário, Trânsito e Mobilidade Urbana (Setrans) atuaram para impedir a circulação dos coletivos. Por volta das 7 horas, a situação ficou mais tranquila no interior e nas imediações do Terminal Norte, onde circulam também as vans do transporte complementar e os ônibus das linhas intermunicipais.

A cor oficial dos ônibus da Radial em Suzano será o branco, mas parte da frota que rodou no sábado, circulou ontem com as cores azul, vermelho e branco – utilizadas pela Radial nas linhas intermunicipais onde a empresa faz parte do Consórcio Unileste. A falta de padronização nas cores dos coletivos, que deixou muitos usuários confusos nos pontos, foi apenas uma das indicações de como a contratação de uma empresa para substituir a Visul foi feita às pressas. No primeiro dia, cerca de 60 (e não 80 – como anunciou o prefeito) ônibus da Radial circularam pela cidade.
O secretário de Transportes, Marcos Antonio Caetano Batista e o gerente administrativo da Radial, Alexandre Parisi, observaram que as adequações serão feitas progressivamente: “Para o primeiro dia, avaliamos que o serviço está funcionando bem e em nenhum momento a população ficou sem o transporte.
Nos próximas dias, a empresa deverá padronizar a frota na cor branca e no prazo de um mês deverá ser instalada uma garagem na cidade”, destacou Caetano. Ele ressaltou que nesse fim de semana, a Radial já teria colocado 17 coletivos adaptados para pessoas com deficiência. Parisi admitiu que não houve tempo hábil para a pintura de todos os carros enviados para Suzano e, ao contrário do que afirmou o secretário de Transportes, informou que a garagem da empresa continuará sendo em Ferraz.

Funcionários
Sem apresentar números de funcionários da Visul contratados pela Radial, representantes do Sindicato dos Condutores Rodoviários de Mogi das Cruzes e região, fizeram uma avaliação positiva. “Nossa preocupação era com o emprego dos funcionários da Visul. Tivemos o apoio do prefeito e a nova empresa está contratando”, assegurou o vice-presidente da entidade sindical Felix Serrano de Barros que a lado do diretor jurídico, José Aparecido Pereira da Silva, o Manobrinha, acompanhou toda a movimentação do final da madrugada no terminal. A Visul não se manifestou até o fim da edição.

Fonte: Diário do Alto Tietê – Bras Santos De Suzano